Terminal Hidroviário vai potencializar turismo em Salvaterra

O projeto da obra civil prevê sala de embarque, banheiros, guichês para vendas de passagens, cadeiras confortáveis, Tv, bebedouro etc.

Para alavancar o turismo no município de Salvaterra, no arquipélago do Marajó, a Companhia de Portos e Hidrovias do Pará (CPH) vai construir o primeiro terminal hidroviário turístico da cidade, em breve. Nesta quarta-feira (27) o prefeito de Salvaterra, Carlos Alberto Gomes, foi recebido em reunião pelo presidente da CPH, Abraão Benassuly, que repassou mais detalhes sobre o projeto executivo, em fase de elaboração. 

"O prefeito nos procurou para conhecer o projeto e ficou encantado, pois o terminal vai embelezar a cidade. Em princípio, o equipamento será instalado no centro da cidade, próximo à igreja, e vai desenvolver ainda mais o turismo em Salvaterra, que hoje recebe turistas do Brasil e do mundo. É uma cidade com potencial turístico grande e que já merecia uma obra grandiosa", destacou Abraão Benassuly, presidente da CPH.

O projeto da obra civil prevê sala de embarque, banheiros, guichês para vendas de passagens, cadeiras confortáveis, bebedouro e TV, além de quiosque para venda de artigos regionais. Já a obra naval contempla construção de conjunto naval com rampa metálica articulada e flutuante para embarque e desembarque de passageiros.

Concluído, o terminal permitirá que novas empresas de navegação possam oferecer viagens para o município de Salvaterra, bem como, facilitará as atividades dos barqueiros que fazem a travessia diária entre os municípios marajoaras.

Hoje o município de Salvaterra não tem nem trapiche nem terminal hidroviário. Os turistas e usuários que precisam atravessar o rio Paracauari para chegar até Soure utilizam apenas uma rampa de concreto para entrar nas embarcações. Muitos precisam colocar o pé na areia e n'água. Para o prefeito de Salvaterra, Carlos Alberto Gomes, o terminal hidroviário marcará um novo tempo no município.

"Esse terminal vai alavancar o nosso turismo, ele é um sonho do povo de Salvaterra, que almeja isso há muito tempo. Então agradeço ao governador Helder Barbalho, que através da Companhia de Portos e Hidrovia, está promovendo esse desenvolvimento histórico para Salvaterra", disse o gestor municipal, ressaltando que a cidade tem cerca de 24 mil habitantes.

FONTE : Agência Pará 

Comentários